É difícil entender o quanto um corpo pode sofrer sem perceber a causa. Falando um pouco da minha experiência com Burnout. Eu acho que todos vocês já devem terem ouvido falar sobre esta palavra, mas você já parou para pensar sobre a importância da voz do seu corpo dizendo lhe para dar aquela desacelerada?

Há muitas evidências que às vezes vem gradativamente sem que você perceba. Geralmente, esses sintomas começam muito levemente, mas eles pioram ao longo do tempo devido ao acúmulo de tarefas, perfeccionismo e foco no trabalho como uma fonte exclusiva e  prazerosa  acarretando um esgotamento profissional e exaustão física e mental  decorrente de stress prolongado no trabalho.

Não foi diferente comigo, já que tudo que  faço cobro um compromisso pessoal além dos meus limites com extremo perfeccionismo, e entre as minhas causas individuais este meu  perfeccionismo se torna o meu maior inimigo pois me leva a buscar um idealismo em relação a  minha profissão e que por vezes  é impossível.

O que você quer dizer?

Síndrome de Burnout ou exaustão profissional, decorre de estresse prolongado no trabalho. É como se o corpo e a mente colocassem um ponto final. Aconteceu comigo há 3 anos, quando meu corpo gritou: “agora chega”!

Um cansaço devastador revelou uma absoluta falta de energia. Todas as reservas do meu corpo foram esgotadas. No trabalho, no lugar da motivação, a irritação surge com a falta de concentração e desânimo. Eu tenho um tipo de sentimento de fracasso.

Então, eu ouço do meu médico a palavra Burnout com um conselho que eu devo ter que ir embora por um tempo do meu trabalho. Um desespero tomou conta de mim e o único pensamento que tive foi sobre o meu trabalho.

A mudança necessária

Comecei a terapia com um psicólogo para aprender a desenvolver estratégias para me ajudar a aliviar um estresse constante e pressão, comecei a andar no parque da cidade e, entretanto, eu também descobri que a pintura me trouxe um novo espírito.

Eu saí do meu ambiente por um tempo, ainda não acreditava o quão abençoada eu fui para ter a oportunidade de realizar um sonho de viver temporariamente em uma ilha-Malta.

E a maior fonte de toda minha recuperação foi quando meus pais me “resgataram” de Malta para o Brasil para cuidar de mim com todo amor e carinho. Este apoio familiar foi essencial para o meu regresso.

Como identificar os primeiros sinais

Sentimento de estresse e falta de vontade de sair da cama é comum e pode acontecer a todos, no entanto, quando esses sentimentos estão presentes quase todos os dias, pode indicar o aparecimento de uma síndrome de Burnout.

Outros sintomas como:

* Sentir-se cansado e sem energia quase sempre;
* ter dores de cabeça freqüentes; mudanças no apetite;
* dificuldade para pegar no sono;
* ter sentimentos constantes de fracasso e insegurança;
* sentir-se derrotado e desesperado;
* dificuldade em cumprir as responsabilidades de trabalho;
* vontade de se isolar dos outros.

Ainda tenho muito o  que melhorar neste controle devido a ansiedade, porém consegui abandonar o meu lema de que “meu nome é trabalho.” Estou tentando focar no que é positivo em vez de olhar para os aspectos negativos e perguntar “PORQUÊ” e sim “PARA QUE”, descobrindo novos hábitos e diminuindo o nível de stress. Fazendo uma coisa de cada vez.

A volta da prática de exercícios físicos também estão fazendo toda a diferença ajudando ativar a minha circulação e estimulando o meu metabolismo (que era de uma pessoa de 75 anos) .

O ato de meditar e estar mais em contato com minha família e amigos tem sido essencial para lidar com a correria  do dia-a-dia.

Aqui deixo a minha dica, se você está passando por uma situação semelhante, atenção aos sinais emitidos pelo seu corpo como a exaustão que  pode ser também um sintoma de várias doenças como anemia e distúrbios da tireóide. Não espere muito e consulte o seu médico . Não deixe seu corpo chegar ao limite e gritar contra você mesmo.

Espero que este post tenha sido útil para você e não  se hesite em enviar para alguém que possa achar interessante! Se você curtiu as dicas, curte no ❤ 

E não se esqueça de deixar a sua opinião no comentário abaixo! Adoraria saber sua opinião! 😍

                

 

Author

3 Comments

  1. G. L. Krol-Roberto Reply

    Pois sobrinha,
    Ainda que haja noite no coração, vale a pena sorrir para que haja estrelas na escuridão.🤚🌺

  2. Isso ai!!! encontre sua força e vença todos os desafios da vida! bjussss :*

Write A Comment